O Conjunto Habitacional Marquês de São Vicente, mais conhecido como Minhocão da Gávea, também foi projetado, na década de 50, pelo arquiteto e urbanosta Affonso Eduardo Reidy. No início dos anos 40, a prefeitura extingue algumas favelas em bairros no Centro do Rio de Janeiro e constitui o “Parque Proletário” para abrigar seus moradores. O Conjunto Residencial Marquês de São Vicente é projetado para essa comunidade com cerca de cinco mil e duzentas pessoas.

O Conjunto Habitacional Marquês de São Vicente, mais conhecido como Minhocão da Gávea, também foi projetado, na década de 50, pelo arquiteto e urbanosta Affonso Eduardo Reidy. No início dos anos 40, a prefeitura extingue algumas favelas em bairros no Centro do Rio de Janeiro e constitui o “Parque Proletário” para abrigar seus moradores. O Conjunto Residencial Marquês de São Vicente é projetado para essa comunidade com cerca de cinco mil e duzentas pessoas.

Rua Direita [hoje Primeiro de Março]. Convento do Carmo à esquerda. Pedaço do Paço à esquerda. Torre da Igreja de São José à esquerda. Morro do Castelo ao fundo. Av. Antonio Carlos não era nascida.

Rua Direita [hoje Primeiro de Março]. Convento do Carmo à esquerda. Pedaço do Paço à esquerda. Torre da Igreja de São José à esquerda. Morro do Castelo ao fundo. Av. Antonio Carlos não era nascida.

É possível ser feliz sendo pobre - Clube dos Poupadores

Pinterest
Search