More to explore:

Watches

  • Instituto Socioambiental (ISA)

    Expedição Gota d'Água no Xingú entrevista o cacique Kwasady. Ele fala sobre as diferenças entre a cultura indígena e do homem branco e sobre os medos e anseios dos indígenas nesse momento.

More from this board

Foto: Eduardo Viveiros de Castro, 1982. A marca característica da relação apihi-pihã é a "alegria": tori. Os apihi-pihã (amigos de mesmo sexo) mantêm um convívio de camaradagem jocosa, sem nenhuma conotação agressiva; eles oyo mo-ori, "alegram-se reciprocamente": estão sempre abraçados, são companheiros assíduos na mata, usam livremente dos bens do outro.

Foto: Eduardo Viveiros de Castro, 1982. O casamento não é objeto de nenhuma cerimônia, e a acelerada circulação matrimonial dos jovens faz dele um negócio corriqueiro. No entanto, sempre que uma união se torna pública com a mudança de domicílio de alguém, produz-se uma sutil comoção na aldeia. O novo casal começa imediatamente a ser visitado por outros casais, seu pátio é o mais alegre e bulhento à noite; ali se brinca, os homens se abraçam, as mulheres cochicham e riem. ...

"Cestaria de arumã baniwa. Foto: Beto Ricardo, 2000" As formas de manipular pigmentos, plumas, fibras vegetais, argila, madeira, pedra e outros materiais conferem singularidade à produção ameríndia, diferenciando-a da arte ocidental, assim como da produção africana ou asiática. Entretanto, não se trata de uma “arte indígena”, e sim de “artes indígenas”, já que cada povo possui particularidades na sua maneira de se expressar e de conferir sentido às suas produções. (...)

II Encontro de Xamãs Yanomami -- Em ano de comemoração dos 20 anos de homologação da Terra Indígena Yanomami, encontro reforça a importância do xamanismo na defesa territorial e proteção ambiental. À convite de Davi Kopenawa, presidente da Hutukara Associação Yanomami, 33 dos principais xamãs Yanomami reuniram-se na aldeia Watoriki (AM) entre os dias 24 e 28 de abril para trocar experiências e juntar forças na defesa do território indígena invadido por garimpeiros e fazendas. (...)

Hutukara lança vídeo sobre "isolados" em ano de comemoração dos 20 anos da homologação da TI Yanomami. Vídeo registra pela primeira vez imagens de um grupo yanomami isolado que vive dentro da Terra Indígena Yanomami e que corre risco de sobrevivência devido a presença de garimpos a menos de 15 km da sua aldeia.

Programação do Festival Nacional da Cultura Indígena 2012 - de 19 a 21 de Abril em Bertioga

Expedição Gota d'Água no Xingú entrevista o cacique Kwasady. Ele fala sobre as diferenças entre a cultura indígena e do homem branco e sobre os medos e anseios dos indígenas nesse momento.

Davi Kopenawa entrega documento à Presidência da República cobrando mais uma vez retirada de garimpeiros

É uma ficção criada por Leonardo Cadaval que nos faz refletir sobre as diferenças entre indígenas e não-indígenas com relação às formas de interagir com o ambiente.

Este vídeo é sobre o cotidiano das crianças guarani kaiowá que vivem acampadas às margens da BR 163 em Mato Grosso do Sul. Essa população está vivendo em um acampamento na beira da estrada, pois foi despejada da área onde vivia no município de Rio Brilhante. Esta matéria foi exibida na TV Campo Grande (SBT-MS).

Este vídeo foi produzido pelo projeto “Aldeias Vigilantes: uma nova abordagem na Proteção dos Conhecimentos Tradicionais e no Combate a Biopirataria na Amazônia” da Amazonlink.

Manejo dos tracajás no rio Amônia - Este vídeo, produzido pelo projeto Vídeo nas Aldeias com a OPIAC (Organização dos Professores Indígenas do Acre), mostra um pouco sobre este trabalho de manejo.

Curta metragem produzido pelo cineasta belga Jean-Charles L'Ami e por 35, Quai du Soleil Inversiones C. A.. Contou com o apoio financeiro da Cinemateca Nacional da Venezuela e a colaboração da organização Wataniba. O curta foi feito junto com as crianças da comunidade piaroa de Betania del Topocho, no estado do Amazonas na Venezuela.

Curta metragem produzido pelo cineasta belga Jean-Charles L'Ami e por 35, Quai du Soleil Inversiones C. A.. Contou com o apoio financeiro da Cinemateca Nacional da Venezuela e a colaboração da organização Wataniba. O curta foi feito junto com as crianças da comunidade piaroa de Betania del Topocho, no estado do Amazonas na Venezuela.

Vídeo sobre uma parte da Cultura do Povo Terena, narrada por Isac Dias, ancião Terena.

Hee Yaia Keti oka - Conhecimentos Tradicionais dos Xamãs Jaguar do Yurupari (Traditional Knowledge of the Jaguar Shamans of yurupari)

Xamãs yanomami promovem reflexão sobre crise ecológica durante encontro realizado na aldeia de Watoriki (Demini) a convite do Davi Kopenawa. Imagens de Leandro Lima

Escola Tuyuka forma segunda turma no ensino médio - Situada no Alto Rio Tiquié, no noroeste amazônico, a escola aguarda o reconhecimento oficial do ensino médio que desenvolve, dentro da proposta de educação escolar indígena diferenciada.

Site que apresenta dados e informações sobre as Terras Indígenas no Brasil

Antes de mais nada, é preciso esclarecer um ponto: existem inesgotáveis maneiras de se produzir complexidades (de pensamento, de sentido), a despeito daquela com a qual estamos acostumados, derivada da escrita e de uma civilização que se destaca pelo domínio da tecnologia. Sob o aparente despojamento de suas construções e artefatos, os povos indígenas construíram sistemas de pensamento e expressões criativas que, ainda hoje, escapam à com...