Explore Os Djs, Bacal, and more!

Explore related topics

'Música, Máquinas e Humanos - Os Djs no cenário da música eletrônica', lançamento de Tatiana Bacal

'Música, Máquinas e Humanos - Os Djs no cenário da música eletrônica', lançamento de Tatiana Bacal

O Instituto Alana, em parceria com o Ministério do Meio Ambiente, lançou a cartilha 'Consumismo infantil: na contramão da sustentabilidade'. O intuito é ajudar pais e educadores a ensinarem às crianças a diferença entre o 'querer' e o 'precisar', além de abordar assuntos como sustentabilidade, descarte e consumo.

O Instituto Alana, em parceria com o Ministério do Meio Ambiente, lançou a cartilha 'Consumismo infantil: na contramão da sustentabilidade'. O intuito é ajudar pais e educadores a ensinarem às crianças a diferença entre o 'querer' e o 'precisar', além de abordar assuntos como sustentabilidade, descarte e consumo.

‘Repórteres e reportagens no jornalismo brasileiro’, da Professora Candice Vidal e Souza (FGV Editora), tem como propósito central apresentar a reportagem como uma narrativa da nacionalidade, tal como a definem e a realizam, em textos impressos, os agentes que conquistaram historicamente a autoridade sobre esse modo de descrição e explicação da “vida do brasileiro”.

‘Repórteres e reportagens no jornalismo brasileiro’, da Professora Candice Vidal e Souza (FGV Editora), tem como propósito central apresentar a reportagem como uma narrativa da nacionalidade, tal como a definem e a realizam, em textos impressos, os agentes que conquistaram historicamente a autoridade sobre esse modo de descrição e explicação da “vida do brasileiro”.

O livro 'Todo mundo tem uma história para contar' reúne textos que comemoram os 20 anos do Museu da Pessoa, rede digital de histórias de vida composta por 15 mil depoimentos e 72 mil fotos e documentos. As histórias escolhidas contam com textos de apresentação de cada uma delas assinados por grandes nomes da literatura, do jornalismo como Martha Medeiros, Luiz Ruffato, José Roberto Torero, Ana Maria Gonçalves, Nirlando Beirão, Alberto Dines e Milton Jung.

O livro 'Todo mundo tem uma história para contar' reúne textos que comemoram os 20 anos do Museu da Pessoa, rede digital de histórias de vida composta por 15 mil depoimentos e 72 mil fotos e documentos. As histórias escolhidas contam com textos de apresentação de cada uma delas assinados por grandes nomes da literatura, do jornalismo como Martha Medeiros, Luiz Ruffato, José Roberto Torero, Ana Maria Gonçalves, Nirlando Beirão, Alberto Dines e Milton Jung.

O projeto reúne reflexões sobre cultura, tecnologia, criatividade e colaboração em um livro e uma plataforma aberta. O livro reúne em 10 artigos reflexões e ações pioneiras no uso de tecnologia e cultura

O projeto reúne reflexões sobre cultura, tecnologia, criatividade e colaboração em um livro e uma plataforma aberta. O livro reúne em 10 artigos reflexões e ações pioneiras no uso de tecnologia e cultura

'Reportagem, Pesquisa e Investigação', organizado por Rogério Christofoletti e Samuel Lima,  é uma coletânea de textos de jornalistas e pesquisadores brasileiros e argentinos que abordam a questão do método no jornalismo investigativo. Questões éticas, cenários e contextos, riscos e experiências são abordados por profissionais dos dois países. O livro é fruto do 2º Seminário Brasil-Argentina de Pesquisa e Investigação em Jornalismo (Bapijor), realizado em abril de 2012, em Florianópolis.

'Reportagem, Pesquisa e Investigação', organizado por Rogério Christofoletti e Samuel Lima, é uma coletânea de textos de jornalistas e pesquisadores brasileiros e argentinos que abordam a questão do método no jornalismo investigativo. Questões éticas, cenários e contextos, riscos e experiências são abordados por profissionais dos dois países. O livro é fruto do 2º Seminário Brasil-Argentina de Pesquisa e Investigação em Jornalismo (Bapijor), realizado em abril de 2012, em Florianópolis.

O livro reúne 482 logos que foram criados utilizando símbolos que representam a cidade do Rio de Janeiro.

O livro reúne 482 logos que foram criados utilizando símbolos que representam a cidade do Rio de Janeiro.

'Publicitar: Uma nova visão da publicidade', de João José Werzbitzki, apresenta uma nova visão, mais ampla, do trabalho e da vida das pessoas que trabalham com Publicidade, assim como em todas as outras formas de comunicação de marketing: compreende o planejamento e a execução de uma orquestração de comunicação, com ou sem mídia, com ou sem a internet (num mundo onde mais de 60% das pessoas ainda nem têm computador)

Publicitar: Uma nova visão da publicidade

'Publicitar: Uma nova visão da publicidade', de João José Werzbitzki, apresenta uma nova visão, mais ampla, do trabalho e da vida das pessoas que trabalham com Publicidade, assim como em todas as outras formas de comunicação de marketing: compreende o planejamento e a execução de uma orquestração de comunicação, com ou sem mídia, com ou sem a internet (num mundo onde mais de 60% das pessoas ainda nem têm computador)

'As Tecnologias do Imaginário', de Juremir Machado da Silva, vai na contramão das teorias que enfatizam o caráter anti-humanista da técnica e consideram a mídia como fundamentalmente manipuladora. Numa linguagem simples, o autor levanta uma hipótese sobre a relação entre dois termos - tecnologia e imaginário - em princípio antagônicos e irredutíveis um ao outro. A proposta é discutir: a mídia manipula ou seduz? Qual o papel da mídia na formação dos nossos imaginários grupais ou individuais?

'As Tecnologias do Imaginário', de Juremir Machado da Silva, vai na contramão das teorias que enfatizam o caráter anti-humanista da técnica e consideram a mídia como fundamentalmente manipuladora. Numa linguagem simples, o autor levanta uma hipótese sobre a relação entre dois termos - tecnologia e imaginário - em princípio antagônicos e irredutíveis um ao outro. A proposta é discutir: a mídia manipula ou seduz? Qual o papel da mídia na formação dos nossos imaginários grupais ou individuais?

O blog ‘Desilusões perdidas’ acaba de virar livro. Em ‘A vida de jornalista como ela é – o melhor do blog de Duda Rangel’, estão reunidos 110 textos dos cerca de 500 produzidos nos quase quatro anos em que a página está no ar. São contos, crônicas, poesias e paródias, que contam as dificuldades e prazeres da vida de um profissional de comunicação, sempre com uma pitada de bom humor.

O blog ‘Desilusões perdidas’ acaba de virar livro. Em ‘A vida de jornalista como ela é – o melhor do blog de Duda Rangel’, estão reunidos 110 textos dos cerca de 500 produzidos nos quase quatro anos em que a página está no ar. São contos, crônicas, poesias e paródias, que contam as dificuldades e prazeres da vida de um profissional de comunicação, sempre com uma pitada de bom humor.

Pinterest
Search