Animais

6 Pins27 Followers
A Torre Eiffel foi inaugurada no dia 31 de março de 1889, sendo a maior construção humana do mundo na época, com 324 metros de altura e peso superior a 10 mil toneladas. O título de estrutura mais alta do mundo só foi perdido pela torre 41 anos depois, quando foi inaugurado, em Nova York, o arranha-ceu Chrysler Building.

Torre Eiffel: Símbolo de Paris e da França

A Torre Eiffel foi inaugurada no dia 31 de março de 1889, sendo a maior construção humana do mundo na época, com 324 metros de altura e peso superior a 10 mil toneladas. O título de estrutura mais alta do mundo só foi perdido pela torre 41 anos depois, quando foi inaugurado, em Nova York, o arranha-ceu Chrysler Building.

Monarchs on Pride of Madeira 8496 by maguire33@verizon.net / "Nossa vida é feita de mudanças, transformações, metamorfoses. Nunca se acomode." (Fredson Costa)

Monarchs on Pride of Madeira 8496 by maguire33@verizon.net / "Nossa vida é feita de mudanças, transformações, metamorfoses. Nunca se acomode." (Fredson Costa)

Peixes, moluscos, crustáceos, corais e outras espécies marinhas criam um frondoso "teatro de vida e cores" neste ensaio do fotógrafo curitibano Marcelo Krause

Fotógrafo brasileiro captura belezas escondidas em mares tropicais

Peixes, moluscos, crustáceos, corais e outras espécies marinhas criam um frondoso "teatro de vida e cores" neste ensaio do fotógrafo curitibano Marcelo Krause

Peixes, moluscos, crustáceos, corais e outras espécies marinhas criam um frondoso "teatro de vida e cores" neste ensaio do fotógrafo curitibano Marcelo Krause

Fotógrafo brasileiro captura belezas escondidas em mares tropicais

Peixes, moluscos, crustáceos, corais e outras espécies marinhas criam um frondoso "teatro de vida e cores" neste ensaio do fotógrafo curitibano Marcelo Krause

Peixes, moluscos, crustáceos, corais e outras espécies marinhas criam um frondoso "teatro de vida e cores" neste ensaio do fotógrafo curitibano Marcelo Krause

Fotógrafo brasileiro captura belezas escondidas em mares tropicais

Peixes, moluscos, crustáceos, corais e outras espécies marinhas criam um frondoso "teatro de vida e cores" neste ensaio do fotógrafo curitibano Marcelo Krause

Halophryne diemensis - Escondendo-se entre os corais, seus apêndices ramificados de pele ajudam este peixe de 28 cm a ocultar-se de seus predadores e de suas presas.

Halophryne diemensis - Escondendo-se entre os corais, seus apêndices ramificados de pele ajudam este peixe de 28 cm a ocultar-se de seus predadores e de suas presas.

Pinterest
Search